quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Labels da coleção O Teatro dos Contos de Fada

Continuando com a coleção O Teatro dos Contos de Fada, trago as Labels agora:

Faerie Tale Theatre (Teatro dos Contos de Fadas no Brasil) foi uma série estadunidense produzida em 1982 e durou até 1987, foi criada pela renomada atriz norte-americana Shelley Duvall. Foi exibida no Brasil pela TV Cultura.
A cada episódio era narrado um conto diferente, dentre várias histórias que foram apresentadas estavam Cinderela, Branca de Neve, Rapunzel, O Flautista de Hamelin, e outros já conhecidos. Um dos episódios intitulado Aladdin and His Wonderful Lamp' teve a direção por conta de Tim Burton, com o qual Shelley Duvall já havia trabalhado anos antes em seu curta Frankenweenie de 1986. Já o conto sobre Rip Van Winkle foi dirigido nada mais nada menos por Francis Ford Coppola. Além desses, diversos outros astros do cinema participaram de seus quase 30 episódios, como por exemplo Robin Williams que participou do episódio chamado The Tale of the Frog Prince, Susan Sarandon no epsódio A Bela e a Fera, Matthew Broderick, como o príncipe de Cinderela, James Belushi com o papel de Mário em Pinóquio e Liza Minnelli como a princesa do conto que no Brasil recebeu o título de A princesa e a ervilha, Peter Weller em As Princesas Balarinhas e Leonard Nimoy o episódio Aladin e a Lâmpada maravilhosa.

Essa coleção em 8 dvds contém todos os 26 contos que foram lançados, caso queira adiquiri-la segue o link do produto em nossa loja virtual 
http://www.kintoun.com.br/teatrodoscontosdefada.html

Abaixo as artes das labels:










Capas da coleção O Teatro dos Contoss de Fada

Hoje trago as capas da coleção O Teatro dos Contos de Fada, pra quem não sabe vai um resumo:

Faerie Tale Theatre (Teatro dos Contos de Fadas no Brasil) foi uma série estadunidense produzida em 1982 e durou até 1987, foi criada pela renomada atriz norte-americana Shelley Duvall. Foi exibida no Brasil pela TV Cultura.
A cada episódio era narrado um conto diferente, dentre várias histórias que foram apresentadas estavam Cinderela, Branca de Neve, Rapunzel, O Flautista de Hamelin, e outros já conhecidos. Um dos episódios intitulado Aladdin and His Wonderful Lamp' teve a direção por conta de Tim Burton, com o qual Shelley Duvall já havia trabalhado anos antes em seu curta Frankenweenie de 1986. Já o conto sobre Rip Van Winkle foi dirigido nada mais nada menos por Francis Ford Coppola. Além desses, diversos outros astros do cinema participaram de seus quase 30 episódios, como por exemplo Robin Williams que participou do episódio chamado The Tale of the Frog Prince, Susan Sarandon no epsódio A Bela e a Fera, Matthew Broderick, como o príncipe de Cinderela, James Belushi com o papel de Mário em Pinóquio e Liza Minnelli como a princesa do conto que no Brasil recebeu o título de A princesa e a ervilha, Peter Weller em As Princesas Balarinhas e Leonard Nimoy o episódio Aladin e a Lâmpada maravilhosa.

Essa coleção em 8 dvds contém todos os 26 contos que foram lançados, caso queira adiquiri-la segue o link do produto em nossa loja virtual 
http://www.kintoun.com.br/teatrodoscontosdefada.html

Abaixo as artes de capa:



terça-feira, 19 de novembro de 2013

Novo Manga de Hayao Miyazaki

Hayao Miyazaki disse que iria se aposentar do mundo do cinema, mas é apaixonado pelo que faz e ainda continua trabalhando. O mestre da animação japonesa apareceu num programa da TV japonesa mostrando seu mais novo trabalho, um mangá sobre samurais cuja trama se passa durante o período Sengoku.






Fonte: ANMTV

Kit gundam é vendido por mais de 20 mil reais!!!

Após 311 lances via internet , um kit para montar na escala 1/100 do Gundam RX-93 que aparece no anime-longa-metragem "Mobile Suit Gundam: Char's Counterattack" lançado em 1998, foi arrematado por 926,001 Yens (cerca de dez mil dólares, ou R$ 21.036,00). Trata-se de uma versão customizada "feita à mão" e ultra-detalhada do kit convencional vendido nas lojas, obra de um modelista profissional que  a chamou "Godly Gundam" - daí o motivo de ter sido tão ferozmente disputado!
É o kit de Gundam maisa caro já vendido em leilão, superado apenas pelo Gundam de Platina pura que a Bandai fez para homenagear/divulgar a série.
Apesar do preço que tem espantado os otakus por Gundam e plebeus sem dinheiro para tamanha extravagancia, a maioria parece pensar que o preço talvez valha a pena, ao se levar em conta a qualidade do kit, como pode ser comparado na foto abaixo:


Fonte: Animax Magazine

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Saiu o trailer do documentário sobre o Studio Ghibli


O documentário sobre o Studio Ghibli, intitulado Yume to Kyoki no Okoku (Reino de Sonhos e Loucura), estreia dia 16 de novembro e foi liberado um novo trailer.
A produção mostrará a intimidade do estúdio, seguindo a produção dos filmes Kaze Tachinu e Kaguya-hime no Monogatari, e também momentos importantes como a dublagem dos filmes, as coletivas de imprensa e a aposentadoria de Hayao Miyazaki.
O Studio Ghibli Internacional já está trabalhando em legendas para o documentário.
Yume to Kyoki no Okoku ja possui seu próprio site oficial (http://www.yumetokyoki.com/)

Confiram o trailer abaixo:


Confiram um vídeo de 7 minutos do documentário:

Confiram nossa coleção com 20 filmes do Studio Ghibli(alguns Pré-Ghibli) em http://www.kintoun.com.br/ghibli.html

Fonte: AnimePro

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

A Lenda do Santúario: Trailer do filme em CG dos Cavaleiros do zodiaco foi exibido + bonecos do Seiya e Sagitário

Durante o envento Tamashii Nations 2013, que es acontecendo no Japão, foi exibido um trailer dos Cavaleiros do Zodiaco A Lenda do Santuário, novo filme em CG dos defensores de Athena. O trailer ainda não foi disponibilizado na internet, mas podemos ver algumas fotos, confira abaixo:

Ainda sobre o filme em CG e também no Tamashii Nation 2013, a Bandai anunciou que vai produzir os bonecos do filme A Lenda do Santuário, confira abaixo fotos dos protótipos do Seiya de Pegaso e Aiolos de Sagitário:





Fonte: Cavzodiaco

Mangá de Dragon Ball GT vai ser publicado no Japão


Durante anos foi discutida a validade de Dragon Ball GT, principalmente entre os fãs puristas, que se alimentavam de todas as informações disponíveis na época áurea da série — como as sempre confiáveis  revistas Ultra Jovem — para dizer que a fase GT não pertencia a cronologia original da série, por não ter uma versão mangá. Pois bem, esse não é mais um problema!

A edição do mês de dezembro da Saikyo Jump (antologia da Shueisha dedicada à spin-offs de séries famosas, como Yu-Gi-Oh! ZEXAL) vai trazer uma novidade bem inesperada: Dragon Ball GT ganhará uma “anime comic”, ou seja, uma versão mangá dos episódios do anime, devidamente capturados a base de print screen.

Pra quem não se lembra, já tivemos esse formato “animangá” publicado no Brasil com Sailor Moon, os primeiros longas de Dragon Ball (ambos pela Abril), versões em quadrinhos do filme do Yu Yu Hakusho (JBC) e alguns episódios de Pokémon via Pokémon Club/Evolution (Conrad).

A versão mangá (se é que pode se chamar assim) estreia na próxima edição da Saikyo Jump, que sai dia 4 de dezembro, incríveis 17 anos depois da versão animada.

Fonte: Jbox